201904.05
0

Registo Central do Beneficiário Efetivo

by

No âmbito das medidas de combate ao branqueamento de capitais, todas as pessoas coletivas existentes em Portugal estão obrigadas a proceder ao registo no Registo Central do Beneficiário Efetivo. Por considerarmos matéria de elevada importância, publicamos abaixo a Nota Informativa, contendo a informação principal sobre esta nova obrigação, bem como sobre as consequências do seu incumprimento.

Ficamos ao dispor para esclarecer qualquer dúvida que surja, bem como, naturalmente, auxiliar no cumprimento desta obrigação.

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados. *